Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2015

ARQUIGRAFIA de linhas imaginárias

Gostaríamos de convidar a todos para participarem da deriva urbana fotográfica proposta pela rede social Arquigrafia, parte do III Seminário Representar, organizado pela FAUUSP, com apoio da FAPESP, NaWeb e RELAB. A provocação se dá na forma do texto abaixo, que resume a proposta:

Resumo da proposta: É possível pensar, como propôs Heidegger (2002), que “o limite não é onde uma coisa termina mas, como os gregos reconheceram, de onde alguma coisa dá início à sua essência.” É do limite para dentro que se conforma um objeto, um lugar, um conceito, uma palavra, uma imagem. Para fora desses limites há o mundo indistinto, o espaço sem lugares, uma extensão amorfa a princípio. O muro temenos dá início ao santuário. A partir dele tem início uma epifania no espaço natural homogêneo. Ali habita um Deus e haverá altares e templos. Sempre encontraremos esse muro pelo lado de fora. Viremos sempre de fora para dentro. O muro períbolo delimitará uma linha cosmogônica do universo dentro do universo, com…

Aula de Paisagismo - MuBE

Uma verdadeira aula de paisagismo e do modo de pensar o projeto de paisagismo sem deixar a cidade e os espaços vazios meramente coadjuvantes nesse cenário. 
Sem dúvida, vale muito a pena assistir este vídeo.

Compartilhem. 
Para mais vídeos como esses, entrem no site Intermeios

Muito para conhecer e estudar: Arquivo Arq

Texto do autor no site:
"Andando pelas ruas de São Paulo sempre observei os edifícios ao meu redor e me despertava a curiosidade de saber quem o projetou, em que ano foi construído, qual sua influência na cidade e tudo o que se possa saber.
Sempre com grande dificuldade, através de livros, artigos, teses, dissertações, sites e afins acabava encontrando algumas destas respostas e que aqui se apresentam em conjunto.
E com isso, na tentativa de abrir nossos olhos aos bons projetos que nos cercam diariamente, de homenagear seus autores e principalmente tornar a arquitetura mais acessível à todos, surgiu a ideia para este site. 
Esta pesquisa sempre irá crescer, se completar e se corrigir quando preciso.
Espero que tenham gostado!"
Iniciativas como essa de Dimitri Iurassek com o site Arquivo Arq, contribuem para a difusão de boas referências de arquitetura brasileira na internet. Vale a pena acessar o site e ficar horas estudando.
http://www.arquivo.arq.br
A dica foi da Rosa Artigas em s…

O legado silencioso de heróis [05]: Francisco Segnini, Joaquim Barretto e a Residência Anderson Gattás

O intuito dessa série de postagens, desde que começou a três anos atrás, sempre foi o de divulgar a obra de arquitetos, cujo reconhecimento não seja devidamente proporcional à qualidade que se encontra em sua produção. Principalmente, arquitetos das gerações das décadas de 1950/1960/1970, cuja obra nunca tenha sido publicada, ou publicada de maneira escassa. Como explicamos a três anos atrás, a pomposa palavra "heróis", que ilustra o título da série, deve-se ao fato desses arquitetos terem projetado arquiteturas que desafiavam o status quo da época, terem proposto maneiras diferentes de construir, de habitar e de se relacionar no espaço íntimo e público. Esse espaço questionado, resultou em projetos ainda hoje incríveis, principalmente no campo da habitação unifamiliar, onde as experiências mais radicais se deram. Não por coincidência, até o presente momento, todas as postagens da série foram análises de residências, e no texto a seguir, isso não será diferente.
A dupla apresen…